O poder dos influenciadores na decisão de compra

Por: Ian Nobre - 13/12/2016

 

Já definimos em nosso blog o conceito de influenciadores e, desta forma, sua evolução e funções sociais. Antigamente, apenas alguns artistas e jornalistas eram considerados formadores de opinião capazes de influenciar na decisão de compra e comportamento de seus considerados fãs. Sempre foram grupos selecionados pela grande mídia que determinam, muitas vezes, o que é ou não tendência.
 
Porém, no cenário atual, onde é possível se conectar de uma forma muito mais rápida e prática, faz com que pessoas que não são celebridades da mídia possam influenciar milhares de seguidores a determinados comportamentos pelo meio online. Surgiram, assim, os influenciadores digitais. 
 
Desta forma, todos os influenciadores se tornam um público estratégico de muita importância em planejamentos de comunicação, com um potencial que vai além das mídias online e offline.

A influência na decisão de compra

Hoje em dia, todos estes influenciadores têm voz ativa na internet, com grande visibilidade na mídia ou apenas por suas redes sociais sempre atualizadas. Sendo assim, todas postagens ou declarações acabam virando conteúdo online capaz de impactar as ideias e ações das pessoas. 
 
E isso tudo em grande escala para os segmentos que são abordados em seus materiais e assuntos. Pois, geralmente, possuem grande visibilidade e credibilidade perante o público de interesse.
 
A influência que possuem na decisão de compra é exatamente por conta deste fenômeno. Os influenciadores são capazes de impactar a vida de seus fãs e seguidores, moldando comportamentos, opiniões e escolhas. Normalmente, os assuntos abordados por eles influenciam diretamente o momento do consumo de uma marca, produto ou serviço.
 
 

Como identificar influenciadores?

Não existe uma regra para definir um exato perfil de influenciador. Ele pode estar presente em um grande meio de comunicação ou em um perfil em mídias sociais com poucos seguidores. O que determina um influenciador é o seu poder de influência. Ser extremamente conhecido na mídia ou ter muitas curtidas e seguidores não demonstram seu poder. 
 
Para identificar influenciadores é preciso analisar o conteúdo - qualidade e relevância para seu negócio - se existe frequência de publicação ou presença na mídia e o nível de impacto em sua comunicação. 
 
Além disso, analisar e identificar o seu público, pois não basta ser do mesmo segmento. Um influenciador de sua marca deve se comunicar com o mesmo perfil de interesse, que deve demonstrar envolvimento e engajamento. Ser, realmente, um fã e admirador de sua opinião e conteúdo.
 
 

Por que investir em influenciadores?

Não é novidade que a indicação é a forma mais eficiente de decisão de compra. A credibilidade de uma opinião recebida é o que mais influencia os consumidores. E, cada vez mais, as pessoas recorrem ao ponto de vista dos influenciadores, exatamente por confiarem em suas palavras.
 
Segundo dados de uma pesquisa da Sprout Social, 74% dos consumidores dependem das redes sociais para orientar suas decisões de compra. Por isso, a empresa que é impactada deve estar presente nos canais de comunicação dos influenciadores.
 
Com a evolução dos ambientes digitais, os influenciadores se tornaram grandes impulsionadores de vendas que geram exposição rápida e eficaz. 
 

Comente

CONECTE-SE

COMUNIQUE-SE

Inscreva-se na Newsletter
logo comunique-se

Copyright © 2016 Comunique-se

Comunique-se S/A - CNPJ: 04.558.476/0001-01 - Rua da Ajuda, n° 35 - 30° andar - Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20.040-915
Telefone: (21) 2524-6007

imgCaptha